17/05/2022
spot_img
InícioDicas para cachorroComo definir uma programação diária para seu filhote

Como definir uma programação diária para seu filhote

Nossos cachorros, assim como os humanos, se beneficiam de uma programação consistente, e criar um é simples com este guia rápido que preparamos.

Trazer um novo filhote de cachorro para casa é emocionante mas também pode se tornar uma experiência estressante.

Há vários fatores a serem considerados, incluindo onde o filhote vai dormir, o que deve comer, quando começar a treinar e como ensiná-lo a usar o banheiro ao ar livre.

No entanto, de todos os preparativos necessários que você deve fazer ao adicionar um novo companheiro canino à sua família, estabelecer um cronograma consistente é um dos mais fundamentasi.

Assim como nossos bebês humanos, os cães exigem uma rotina. Eles precisam se sentir seguros em saber quando certos eventos ocorrerão, como quando serão alimentados, quando serão levados para fora para fazer exercícios ou quando será a hora de brincar e se divertir.

Manter uma programação consistente beneficia seu cão de várias maneiras, incluindo treinamento para usar o penico, desenvolvimento de habilidades e desenvolvimento de comportamento.

Embora possa parecer desanimador considerar a criação de um cronograma eficaz para um novo filhote quando você já está lutando com o seu, este guia simples irá simplificá-lo.

Estabelecendo uma rotina para seu filhote de cachorro

Para começar, existem várias considerações. Leve em conta a sua própria programação.

A que horas do dia você toma café da manhã? A que horas você sai de manhã para o trabalho? Quando você vai voltar para casa e jantar?

A programação do seu novo filhote deve ser idêntica à sua. Alimente-os enquanto come, brinque com eles quando voltar para casa do trabalho e exercite-os quando for mais provável que você também o faça.

No entanto, lembre-se de que, embora perder um dia de exercícios físicos ou gastar muito tempo em seu laptop possa não parecer o fim do mundo para você, será péssimo para seu filhote.

Filhotes de cachorros não podem sobreviver um dia sem sessões de jogo ou travessuras na vizinhança. Uma programação diária para o seu novo cão significa todos os dias.

Se você achar benéfico manter um calendário na geladeira listando os eventos importantes da semana, crie um para o seu filhote também.

Você precisará ajustar sua própria rotina para acomodar as necessidades de seu novo membro peludo da família, mas se você for consistente e deliberado, a rotina se encaixará naturalmente para vocês dois.

Quanto mais cedo você estabelecer um cronograma e uma rotina para seu filhote, mais fácil será para ele se ajustar à nova vida com você.

Leia também: 5 dicas para passear com cachorro que todos devem saber

Veja 5 elementos da rotina diária de um filhote de cachorro

1. Nutrição do filhote

Enquanto os filhotes estão crescendo, eles consomem uma grande quantidade de comida, e a quantidade consumida varia com a idade.

Filhotes com idade inferior a 5–6 meses requerem três refeições por dia. Alimente-os ao mesmo tempo em que toma o café da manhã, o almoço e o jantar, para simplificar.

Não se esqueça de fornecer bastante água limpa e fresca durante as refeições e ao longo do dia.

2. Usando o banheiro

Os filhotes precisam de intervalos para ir ao banheiro a cada 1–4 horas, dependendo da idade, sendo que os filhotes mais novos precisam ir com mais frequência.

Para ajudar no treinamento do penico, os filhotes devem reservar horários regulares ao longo do dia para sair de casa. Além disso, lembre-se sempre de deixar seu filhote sair imediatamente ao soltá-lo da caixa!

Estes são os cinco momentos críticos durante o dia de um cão, quando ele deve ser deixado para ir ao banheiro:

  • Após um período de descanso / sono
  • Seguindo as sessões de brincadeiras
  • Depois de comer e beber
  • Antes de dormir
  • Antes e após as sessões de treinamento

Além disso, não se surpreenda se seu filhote precisar de outra pausa para o penico logo depois de sair. Os filhotes nem sempre eliminam completamente cada vez que vão.

Se o seu cachorro não fez xixi quando você o deixou sair porque estava muito ocupado perseguindo o amigo ou tentando comer as folhas do seu arbusto, você descobrirá que ele precisa disso imediatamente.

Simplesmente seja paciente e dê a ele várias chances de acertar.

3. Atividades de enriquecimento e recreativas

O enriquecimento é fundamental para o desenvolvimento saudável de um filhote.

Filhotes que não têm brincadeiras e enriquecimento significativos são mais propensos a sentir ansiedade, medo e falta de confiança, subdesenvolvimento social e problemas de comportamento durante a adolescência.

Programe horários durante o dia em que você possa dar ao seu filhote toda a atenção.

Passe algum tempo com brinquedos ou fazendo algum treinamento básico antes de sair para o trabalho; isso os ajudará a se ajustar à sua partida.

Enquanto você estiver fora, deixe alguns brinquedos interativos ou quebra-cabeças excelentes para eles, para mantê-los ocupados. Todos os dias, assim que você voltar para casa, leve-os para fora para brincar de rebocador ou jogar sua bola favorita.

Após o jantar, leve-os para um passeio pela vizinhança.

Embora o recreio seja uma parte essencial da vida do seu filhote, nunca deve ser excessivamente longo ou tedioso.

Considere o seguinte: Seu filhote de cachorro de 3 meses não pode tolerar mais do que 15-20 minutos de atividade significativa por vez (apesar das aparências), ou sentirá hiperexcitação e estimulação excessiva.

Certifique-se de que sempre que seu filhote receber estímulo mental ou físico, ele terá a oportunidade de descansar sem ser perturbado (e fazer uma pausa para o banheiro!).

Leia ainda: Curiosidades: Como os cachorros encontram o caminho de casa

4. Tempo para socialização e educação

Entre as muitas coisas que um filhote precisa para se tornar um adulto feliz, a socialização é provavelmente a mais importante.

A socialização é a forma mais eficaz de prevenir futuros problemas de comportamento e é algo que os donos de cães freqüentemente esquecem (evite este erro comum!).

A socialização canina não termina com uma visita ao parque canino ou algumas aulas de filhotes. Da mesma forma, os donos de cães devem tomar cuidado para não sobrecarregar seu novo filhote com estímulos, pois isso só resultará em problemas mais tarde.

A socialização é um processo sistemático no qual você apresenta o seu filhote ao mundo ao seu redor de maneira gradual e cuidadosa, sempre no seu próprio ritmo e sempre de maneira positiva e segura.

Também é fundamental entender como seu cão aprende (surpresa! Eles aprendem exatamente como você!).

Cada dia deve ser preenchido com oportunidades de socialização, o que pode incluir ensiná-los habilidades básicas por meio de reforço positivo e matriculá-los em aulas de adestramento de filhotes.

Também, investigando o ambiente ao seu redor, visitando o veterinário, dar passeios com coleira, brincar com outros cães e novas pessoas , e vivenciar as imagens e sons da vida cotidiana com você. Novamente, sucinto e sucinto é o caminho a percorrer.

5. Rotina de filhote de cachorro: Faça uma pausa

Às vezes, vai parecer que seu novo cachorro nunca dorme e, então, eles não farão nada além de dormir. Seu horário de sono muda conforme seu corpo cresce e se ajusta.

Suponha que seu filhote de cachorro cheio de energia também precise de um cochilo! Filhotes que não descansam o suficiente são mais propensos a se transformar em pequenos tubarões mal-humorados (já que sua mão aprende rapidamente a cada mordida), então sempre preste atenção à linguagem corporal e termine o tempo de brincadeira antes que se torne muito.

Programe momentos de silêncio para seu filhote descansar sem se distrair com ninguém na casa.

Cochilos curtos programados em sua caixa ou canil são uma excelente maneira de começar bem o treinamento da caixa, garantindo que também se torne um espaço seguro estimado.

Quando se trata da hora de dormir, você pode descobrir que seu filhote rapidamente segue seu exemplo e vai dormir quando você o faz. Simplesmente lembre-se de deixá-los usar o penico novamente antes de ambos irem dormir.

Levará várias semanas ou mais para que seu filhote se ajuste ao novo ambiente e desenvolva um sentimento de pertencimento.

Quanto mais cedo você estabelecer um cronograma e seguir uma rotina diária, mais rapidamente seu filhote se ajustará à vida com você.

Gostou de nosso artigo? Então compartilhe nas redes sociais: Facebook, Instagram e Twitter.

Veja também: Entenda a verdadeira utilidade da coleira para cachorro

Rate this post
Renan Bernardihttps://cachorrolegal.com
Renan Bernardi é o tutor da cachorrinha "Laika". Também é jornalista e analista de conteúdos, formado em marketing pela EACH-USP, sendo uma das pessoas responsáveis por atualização de canais de comunicação do portal www.cachorrolegal.com. Renan integra o time de Marketing & Operações especializado em conteúdos sobre animais e outros assuntos relevantes, para todos os amantes do mundo pet.
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

DESTAQUES